Dermatite de Contato

A dermatite de contato é uma erupção que ocorre devido a substâncias que entram em contato com a pele. Pode ser causada por irritantes ou alérgenos.  

29-jul-2013

A
dermatite de contato é uma erupção que ocorre devido a substâncias que
entram em contato com a pele. Pode ser causada por irritantes ou
alérgenos. No primeiro caso os agentes causadores são álcalis,
solventes, ácidos, sabões, detergentes, que podem produzir reação na
pele de qualquer pessoa. Os alérgenos provocam uma reação imunológica no
paciente já sensibilizado, ocasionando a dermatite. Esta reação se
repete a cada contato com o mesmo. Alguns químicos podem ser tanto
alérgenos como irritantes.
 

O quadro de dermatite ou eczema pode
ser agudo ou crônico. Na fase aguda se observam vermelhidão e bolhas ou
vesículas, como se a pele estivesse ” fervendo “. Por isso é empregado o
termo eczema, cuja origem grega significa ferver. Nos quadros crônicos a
pele fica mais ressecada, escurecida e espessa. Em ambas as fases o
prurido ou coceira é queixa importante.
As lesões aparecem nas áreas de contato
direto com o produto suspeito, ou podem ser levadas pelas mãos ou pelo
ar. Um exemplo disto é a dermatite por esmaltes de unhas, que se
manifesta no pescoço ou face.
 

Os alérgenos que mais comumente
provocam dermatite de contato são níquel, borracha, corantes,
preservativos, fragrâncias e plantas. Muitos deles são ligados a
exposição profissional.
O diagnóstico da dermatite alérgica de
contato é feito pelo patch teste ou teste de contato. Este teste é
seguro e fácil. É um teste provocativo onde os alérgenos são aplicados
nas costasl do paciente por 48 horas. São feitas leituras com 48 e 96
horas. 

O tratamento é feito usando
corticosteróides tópicos ou sistêmicos ou até imunossupressores, de
acordo com a gravidade do caso. É fundamental que o paciente saiba a
causa da dermatite para evitá-la. Informações sobre o alérgeno, onde é
encontrado , as possibilidades de reações cruzadas com outros químicos
devem ser aprendidas. Cabe ao seu dermatologista além de promover estes
ensinamentos, sugerir produtos substitutos que não causarão alergia. 

Maria Antonieta Rios Scherrer

Médica dermatologista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia